Ponto de Vista
É relativo

Obstáculos aparecem para todos o tempo todo, individualmente ou não, e é o caminho que tomamos para superá-los que determina o nosso caráter e a nossa grandeza. Ter um ponto de vista não é o bastante; ter o ponto de vista correto, sim.

Who?
Um de um todo.

Eu sou um monte de coisas, e coisa nenhuma... Eu prezo os meus amigos, a lealdade entre eu e eles e almejo uma vida ideal com uma moça ideal (como se isso fosse algo inédito pra alguém) Nome: Victor Augusto Cardoso Osório.

More?

Andando pra pensar
São, neste mundo louco.

Chiku no Genkaku
Strange Performed
Ouvir Lune
Vaso de Planta

Sinta-se livre para divulgar
Sinta-se livre.




À nostalgia
E ao desenvolvimento contínuo.

Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Outubro 2008
Dezembro 2008
Fevereiro 2009
Maio 2009
Agosto 2009

Considerações finais(finais?)
Meu céu.

O B R I G A D O


Humans Everywhere
When? quarta-feira, 26 de agosto de 2009


A vida não é um milagre.
Nem um feliz acaso.

É somente tão difícil para nós, pobres humanos, entendermos que o universo não deve existir há apenas 14 bilhões de anos;
Que tempo é algo completamente irrelevante para o que não tem vida...
E que se havia a mínima, minúscula, praticamente nula chance de um big bang acontecer, o universo, sem pressa nenhuma, esperou acontecer.





Há uma grande, porém sutil, diferença entre estar vivo e viver...

Humanos vivem de alegrias e decepções - buscam as alegrias, e se decepcionam quando não encontram.

Humanos vivem do medo e de enfrentar seus medos - medo de se decepcionar, e têm esperanças de que vão encontrar a alegria alguma hora, de alguma forma, em algum lugar(e, se encontram, temem perdê-la).

Humanos são crentes descrentes - crêem no que lhes convém e não necessariamente no que é verdade.
São dois lados da mesma moeda: quem acredita em si mesmo, não vê esperança na humanidade, e quem acha que esta tem salvação, acredita em algo além dele próprio (se a moeda ficar em pé, como há uma remota, mas existente, chance, é porque não se acredita em nenhum dos dois - e provavelmente é um suicida).

Humanos vivem em sociedade, mas esperam algo em troca sempre que fazem um sacrifício por algo ou alguém. Aqueles que agem diferente, são logo taxados de imaturos e sonhadores.

Humanos descobrem desde cedo a honestidade, e como é mais fácil e lucrativo ignorá-la.

Humanos se estressam com as tarefas que eles mesmos criam, buscando desenvolvimento e sustento, e vão atrás, nos fins de semana, de praias, florestas e montanhas, onde possam encontrar a natureza que eles mesmos destróem, a natureza que eles mesmos têm abandonado, e que sempre os acolhe com ternura e expurga o stress cotidiânico.

Humanos chegaram à Lua, enviaram suas luzes engraçadas a Marte... É bom. Quando este planeta não tiver mais nada a oferecer, simplesmente pulamos pro próximo, como uma praga de gafanhotos indo de uma plantação à outra.

Humanos sentem dor, temem a dor, mas causam aos outros...

Humanos sentem fome, temem a fome, e acham uma pena aquelas crianças morrendo na África, que aparecem no jornal e nos livros de geografia. Uma pena.

Poucos amam, muitos odeiam... todos sabem como amar é bom, e como odiar é ruim...

Pense mais...

E se liberte.

Rach was here. - 9 Comentários
23:09


Sinceramente? É mentira.
When? sexta-feira, 8 de maio de 2009



A Terra é plana como uma panqueca.
E o Sol gira em torno dela.
Deus existe.
Amém.

A felicidade está nos olhos de quem vê.
Cegos não podem ter olhos felizes.
O amor é cego.

Amor é coisa de novela.
Coisa de Shakespeare.
Coisa de vizinho.

Não há espaço para romance na agitação do dia-a-dia.
Romance é coisa de sonhador.
Sonhar é errado.

Há uma primeira vez pra tudo.
A morte não é o fim.










Chega!










A Terra é redonda!
E gira entorno do Sol.
Deus é a personificação do desespero humano.
Amém.

Felicidade dá seu jeito de aparecer para todos.
Mesmo para cegos.
Mesmo no amor.

O amor existe para todos!
Mas parece que ninguém quer enxergar.
Covardes.

Pra romance não há hora nem lugar.
Romance pode ser coisa de sonhador, mas o sonhador é real.
Tente não sonhar... E me conte como se saiu.

Existe um fim pra tudo que teve uma primeira vez.
E o tempo é curto.






Eu sou o escritor
Míope e romântico
Amante e sonhador
Vivo
Ainda

Talvez eu seja uma mentira.
Talvez eu nem exista.
Mas talvez essa questão esteja de férias na bahia.
Enquanto isso eu amo.
Enquanto isso eu choro.
Como alguém que existe.
E que se importa com outro alguém que existe.
De verdade.

Rach was here. - 26 Comentários
13:49